• Hoje é: segunda-feira, agosto 26, 2019

Voto jovem de quem deseja cobrar responsabilidade desde cedo

Janine Niedermeyer
outubro02/ 2016

“As pessoas reclamam que o país não muda, mas acho uma hipocrisia quando deixam de usar o voto pra mudar o Brasil”. A afirmação partiu do eleitor Matheus André Henckes, de 17 anos em sua primeira participação efetiva em uma eleição, através da urna, mesmo ainda não sendo obrigado a votar.

O jovem votou nesta manhã de domingo, 2, pela primeira vez ao lado da namorada Tainá Fonseca, também de 17. Ambos escolheram seus candidatos em seções da escola José Duarte de Macedo, no bairro Macedo. Segundo Matheus, ao ‘eleger’ seus nomes, buscou verificar a transparência do candidato e ver se aqueles que já estiveram no Executivo ou Legislativo, cumpriram o que prometeram.

Na mesma linha Tainá salientou a importância de exercer a cidadania. “Já que tinha o direito de votar não deixaria passar a oportunidade. Busquei por pessoas que já conhecia parte do trabalho e que tinham boas propostas. Além de saber que poderei cobrar depois”.

Em Venâncio Aires, 0,87% do eleitorado tem menos de 18 anos de idade. A maior faixa etária vai dos 30 aos 34 anos de idade, correspondendo a 10,02% do total segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

Foto: Maicon Nieland/ Olá Jornal