Verde é Vida abre novas inscrições ao CAD

Olá Jornal
março20/ 2019

Os professores interessados em participar do Curso de Atualização a Distância (CAD), do Projeto Verde é Vida, podem fazer suas inscrições até o dia 15 de maio. Para se inscrever, o professor precisa acessar o site da Afubra e, no link do Projeto Verde é Vida, clicar em CAD.

Após criar seu login e senha é necessário entrar em contato com a coordenação regional do Verde é Vida (à qual a sua escola está relacionada) e solicitar a sua aprovação para a comprovação da matrícula. Com a matrícula aprovada, é só assistir as videoaulas (as referentes ao 1º semestre já estão disponíveis) e realizar as provas. Cada aprovação de prova, libera uma nova disciplina. Ao final do terceiro semestre, cada professor receberá um certificado de participação.

O professor José Leon Macedo Fernandes, coordenador pedagógico do Projeto Verde é Vida, lembra que as cinco disciplinas referentes ao 1º semestre estão no site e precisam ser assistidas na ordem. “O professor que está se inscrevendo no Curso agora, precisa iniciar na primeira videoaula. Os que já iniciaram no ano passado, somente seguem, conforme a publicação das disciplinas. Cada professor determina o seu ritmo no curso”, destaca José Leon.

SAIBA MAIS – O CAD será desenvolvido durante este ano com duração de 60 horas. Ao todo, serão 16 disciplinas (veja abaixo, disciplinas e abordagens) com conteúdo voltado ao meio rural, divididas em 60 videoaulas. O CAD tem por objetivo subsidiar os professores parceiros com informações que possam auxilia-los em ações que promovem o desenvolvimento das comunidades rurais, valorizem a agricultura familiar e contribuam para a permanência das famílias no campo.

Disciplinas do Curso de Educação Socioambiental Rural

Apoio Pedagógico – Atualizar e incentivar o trabalho do professor através do Projeto da Escola, Pesquisa Cientifica e das atividades realizadas na escola e comunidade.

Pedagogia Rural – Apresentar as diferentes formas pedagógicas, metodologias e ações a serem desenvolvidas na educação rural.

Horta Escolar – Incentivar a prática da horta orgânica, tendo como referência a horta escolar com base nas diferentes formas de produção de hortaliças.

Gestão Rural I – Desenvolver a propriedade rural através de uma visão administrativa e contábil, promovendo a sua organização a partir de um olhar empresarial.

Valores Rurais – Promover o debate sobre os valores rurais através da ética, da cidadania e da valorização do homem do campo.

Gestão Rural II – Organizar a propriedade com base no agronegócio, estimulando o desenvolvimento rural, através do cooperativismo e do associativismo.

Ações Ambientais – Promover a preservação ambiental no meio rural através de ações e de proteção dos recursos naturais, bem como uso de energias alternativas.

Segurança no Trabalho – Desenvolver a segurança do trabalho no meio rural com base no uso de equipamentos, no estudo e aplicação de novas tecnologias.

Valores Ambientais – Promover o debate sobre os valores ambientais do meio rural e a preocupação que o agricultor tem com a natureza visando a sua sustentabilidade.

Conservação Água e Solo – Realizar na propriedade rural e na comunidade alternativas de proteção da água e do solo contribuindo com a qualidade da agricultura.

Segurança Alimentar – Promover a segurança alimentar através de um trabalho de soberania e higiene, tendo como referência a alimentação saudável.

Gestão Rural III – Organizar a propriedade com base na educação profissional, na formação do jovem aprendiz e no combate ao trabalho infantil.

Produção Animal – Promover o desenvolvimento da produção animal na propriedade para fins de diversificação, subsistência e agregar valor.

Gestão Florestal – Promover a gestão florestal com base na florestamento e reflorestamento de nascentes, pomares, encostas e a revitalização de bosques.

Turismo Rural – Promover o desenvolvimento rural através do turismo e da produção de artesanato, com base na valorização cultural e étnica da comunidade.

Valores Sociais – Promover o debate sobre a valorização do meio rural e o desenvolvimento dos valores sociais que norteiam a vida do agricultor e sua família.