Venâncio reforça desejo de implantar Escola Cívico-Militar

Olá Jornal
fevereiro18/ 2020

No fim da tarde desta segunda-feira, 17, o Prefeito em Exercício, Celso Krämer, a Secretária de Educação, Alice Theis, e a servidora da pasta, Mariele Pinto, participaram da cerimônia de assinatura do Termo de Cooperação Técnica que prevê a seleção de policiais militares da reserva para as atividades de monitoria nas Escolas Cívico-Militares da Rede pública estadual.

O projeto de Lei é de autoria do Deputado Estadual Tenente-Coronel Zucco, que participou do evento, assim como o Vice-Governador e Secretário de Segurança Pública do Estado, Delegado Ranolfo Vieira Júnior; e do Secretário Estadual de Educação, Faisal Karam, entre outras autoridades estaduais. Em sua fala, o Secretário de Educação, destacou a importância da criação do projeto no Estado. “Este é um projeto nascido em decorrência das indefinições de políticas públicas na área de educação. Precisamos desmistificar o objetivo da escola militar. Ela será uma oportunidade para a sociedade escolher qual o tipo de ensino quer para seus filhos.” Ranolfo Vieira Júnior, também enfatizou que “este é um progresso na educação do estado. Estaremos cultuando a pátria, a disciplina, valores. Desejo que seja um projeto que venha a nos dar muito orgulho ainda”.

No evento, no auditório do Centro Administrativo Fernando Ferrari, o Prefeito em Exercício e as representantes da Educação de Venâncio, reforçaram o interesse e apoio na implantação do modelo federal, que por enquanto chegará a apenas cinco municípios do RS. A expectativa é de a implantação em Venâncio, mais especificamente na Escola Municipal Cidade Nova – que já demonstrou interesse-, ocorra no ano que vem.

Já a modelo estadual prevê a implantação ainda em 2020 em até 20 educandários, no entanto, o custeio é de total responsabilidade do Município.

CRÉDITO: AI PMVA