Venâncio na briga pela nova fábrica da Florestal Alimentos

Olá Jornal
março19/ 2019

Nesta semana a Florestal Alimentos anunciou que está procurando uma nova cidade para receber o seu novo investimento. O anúncio ocorreu por meio de nota à imprensa nesta quarta-feira, 13. O projeto contempla uma nova unidade produtiva com projeção de investimento para esta nova fábrica de R$ 25 milhões, gerando mais de 150 empregos diretos. A instalação será utilizada à produção de chocolates. Buscando atrair a empresa para Venâncio Aires, antes do anuncio oficial de procura por uma nova área, representantes da Prefeitura já estavam em conversas com representantes da companhia.

Conforme o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Emprego, Nilson Lehmen (MDB), os programas de incentivo são apresentados para os representantes da empresa. Além das formas de incentivo, como a concessão de terrenos e auxílio aluguel, entram na lista de benefícios para receber a empresa, a lei fiscal “Venâncio Sem Fronteiras.”

O regramento prevê isenções tributárias e formas de auxílio para garantir suporte aos empreendimentos. “Esta lei coloca Venâncio em cenário de destaque no estado, por isso aproveitamos para apresentar as concessões possíveis. É uma legislação moderna e que pode facilitar a vinda de novos empreendimentos,” destaca.

Aliado à legislação, Venâncio Aires espera concluir em 60 dias a tramitação de repasse da área do antigo presídio de Mariante. O local com mais de 80 hectares sediará um novo distrito industrial, às margens de RSC-287. Atualmente a documentação está em fase de desmembramento para posterior encaminhamento de escritura.

EMPRESA
A empresa mantém sua unidade produtiva de balas, pirulitos e gomas de mascar das marcas Florestal e Boavistense, além dos suplementos de vitaminas e minerais da marca Flofarma, sempre em expansão em Lajeado.
Atua em todos os estados brasileiros, além de exportar seus produtos para mais de 80 países, com um portfólio formado por 440 itens de diversas categorias de doces e suplementos. A aquisição da marca de chocolates caseiros Planalto, em setembro de 2018, e o lançamento da linha de chocolates com a marca Florestal no mês de janeiro deste ano, somados aos investimentos da nova unidade fabril, estão alinhados à estratégia da Florestal de reforçar seu posicionamento, ampliando a oferta de guloseimas para os mercados nacional e internacional. A proposta da empresa é de construir a nova fábrica em municípios do Vale do Rio Pardo ou Taquari.