Venâncio cria Central de Monitoramento de pessoas com Covid-19

Olá Jornal
maio07/ 2020

A Secretaria Municipal de Saúde inicia na próxima semana uma nova forma de monitorar pessoas confirmadas com Covid-19 e que estão em isolamento domiciliar. A preocupação com o aumento de casos e do não cumprimento das medidas recomendadas a estas pessoas, para permanecerem em confinamento para evitar a disseminação do vírus, fez com que os responsáveis e profissionais da pasta adotassem ações mais severas.

Diariamente através de contatos telefônicos e visitas surpresas, profissionais de saúde da Secretaria vão monitorar de perto a pessoa confirmada e todos os demais da residência, que devem ficar em isolamento. Ainda, na ocasião, serão avaliados detalhes como quadro clínico, se há necessidade de encaminhamento de outro tipo de exame ou internação hospitalar. “Estamos aumentando o monitoramento para que se tenha a real noção de onde estão essas pessoas infectadas e possíveis contaminados. Hoje, apesar da transmissão comunitária, ainda conseguimos administrar o monitoramento de suspeitos ou confirmados. E isso se torna importante para ali na frente não termos uma estrutura de saúde saturada, o que ninguém quer em nosso município”, salienta o Secretário Municipal de Saúde, Ramon Schwengber. Ele ainda explica que a pasta já conta com um levantamento de pessoas de Venâncio e que trabalham em empresas de municípios, como Lajeado, e que já estão sendo monitoradas.

Atualmente, todas as pessoas monitoradas, por conta de terem positivado ou serem suspeitas, recebem uma notificação e estão cientes de que precisam realizar isolamento domiciliar, sem receber visitas, conversar com vizinhos. Estas são orientadas e assinam um termo onde se responsabilizam pela permanência em casa. Em caso de necessidade, não é descartado o uso de força policial para que ocorra o cumprimento da medida estabelecida pelos profissionais de saúde.

A médica infectologista Sandra Knudsen reforça o pedido de isolamento. “Os números comprovam de que o Coronavírus está na comunidade de Venâncio e estamos começando a nos preocupar com lotação de UTI e do Hospital. Por isso pedimos para quem tem diagnóstico positivo ou são suspeitos, consultaram e receberam atestado para ficar em casa; que cumpram esse isolamento. Nós temos visto casos de pessoas próximas, vizinhos, familiares que tem se contaminado a partir de casos positivados. Então este vírus se transmite de forma fácil e rápida. Não é só a pessoa confirmada que precisa ficar em isolamento, mas todos que convivem dentro do mesmo ambiente. Esta recomendação é Mundial, não só do Município de Venâncio. E isto é fundamental para desacelerarmos a disseminação do vírus.”

CRÉDITO: Coordenadoria de Comunicação e Marketing PMVA