Venâncio Aires fechou 2019 como o oitavo município exportador do Rio Grande do Sul

Olá Jornal
janeiro14/ 2020

O resultado das exportações de Venâncio Aires em 2019 foi o melhor dos últimos cinco anos. A Capital do Chimarrão garantiu vendas internacionais que somaram US$ 686,7 milhões entre janeiro e dezembro do ano passado. O volume garantiu ao Município a oitava colocação entre os principais exportadores gaúchos, à frente inclusive de Caxias do Sul, principal cidade da região serrana e importante polo metalmecânico. A liderança do ranking é isolada com a cidade de Rio Grande, que possui o porto e concentra as exportações de outras cidades. Os dados são divulgados pelo Ministério da Economia, Indústria, Comércio Exterior e Serviços.

Os negócios internacionais de Venâncio representam 3,9% na participação das exportações do Estado e coloca o município na 70ª colocação no ranking nacional. No total, são 33 empresas exportadores e outras 23 companhias que realizaram importações. As exportações de Venâncio Aires ao longo de 2019 tiveram crescimento de 16,2% se comparado a 2018, quando foram negociados US$ 590,9 milhões.

CRESCIMENTO

A participação dos negócios de Venâncio tiveram crescimento de 0,9% na participação das exportações do Rio Grande do Sul. Em 2018, a cidade tinha registrado 3% de participação e ocupava a 10º colocação no ranking dos maiores exportadores gaúchos. Além disso, na listagem nacional, em 2018, a Capital do Chimarrão ocupava a 82ª posição.

TABACO

As exportações de tabaco seguem isolados nos produtos exportados. No ano foram US$ 644,94 milhões enviados ao mercado exterior, representando 94%. As exportações de tabaco no município registraram crescimento de 18,2%. O aumento ocorre porque as exportações de vendas do ano anterior foram efetuadas ao longo de 2019, o atraso nos embarque garantiu a elevação nos negócios venâncio-airenses.