• Hoje é: domingo, maio 20, 2018

Uma oportunidade para expandir novos horizontes

Olá Jornal
maio07/ 2018

Durante a Mostra Internacional de Ciência e Tecnologia (Mostratec) de 2017 que ocorreu em Novo Hamburgo, dois projetos da rede municipal foram escolhidos para representar Venâncio Aires em outros países.
Um dos projetos selecionados, foi “O protagonismo feminino em histórias reais, narradas para crianças em um audiolivro” da EMEF Alfredo Scherer. Realizado pela professora Fernanda Saldanha e seus alunos, o trabalho será apresentado em agosto, durante a “XI Fecitec Girasoles”, no Paraguai.
Segundo Fernanda, o projeto foi desenvolvido durante as aulas de Artes com a turma do 9º ano, e segue em andamento com os alunos Kellen Hoffmann, Kelli Guterres e Guilherme Penk, que representaram a turma nos eventos
O audiolivro “Elas por Elas” trata-se da criação de um obra voltada para o público infantil. “São histórias de cinco mulheres que de alguma forma deixaram sua contribuição para a humanidade. Destacamos temas do dia a dia das crianças que sofrem bullying, preconceitos, intolerância, e sobre a cultura afro-brasileira e indígena”, conta.
Para Fernanda, representar o município em outro país é uma felicidade imensa e uma grande responsabilidade. “Nos proporciona a possibilidade de compartilhar nossa iniciativa e, talvez, motivar outras pessoas a desenvolverem projetos desta natureza”.
Até o momento 15 Escolas Municipais de Ensino Fundamental da cidade e do interior já receberam o audiolivro. “Queremos dar acesso a histórias de mulheres independentes e corajosas, para que as crianças não tenham como referência feminina somente as princesas dos contos de fadas que, normalmente, são frágeis, submissas e dependem de príncipes encantados para serem felizes”, explica.
Além deste, o trabalho desenvolvido pela professora Karine Wessling, também foi selecionado. Intitulado “Bairro: nosso espaço, nossa responsabilidade”, o projeto irá representar a EMEF Benno Breunig com alunos Matheus de Freitas e Raqueli Hickmann Rodrigues, no “IX Foro de Ciencias y Civilización” que ocorre em outubro na Argentina.
Conforme Karine, a ideia do projeto surgiu em meio as inquietações da turma em função das mudanças no bairro da escola. “Além disso, os alunos estavam no 3º ano do ensino fundamental, um período começaram a se deslocar sozinhos para a escola. Com isso, os alunos desenharam o percurso de suas casas até a escola, podendo se localizar melhor”.
O objetivo do trabalho também foi pensado para melhorar o convívio em sociedade, assim como, busca a conscientização dos jovens para o cuidado com os espaços de uso coletivo.
A profissional destaca que a sensação de poder apresentar o projeto em outro país é maravilhosa, assim como, vivenciar as novas descobertas de seus alunos durante uma feira de trabalhos realizado na Argentina.

AUDIOLIVRO
A segunda edição do audiolivro “Elas por Elas” visa contar histórias de mulheres Venâncio-airenses que são motivo de inspiração. As histórias serão recebidas do dia 04 a 31 de maio através de formulário online. Os interessados podem escrever a história para o e-mail projetoaudiolivro2017@gmail.com, informando nome do informante, endereço, telefone, idade e e-mail.
Além disso, incluir os dados da mulher indicada, nome completo, idade, profissão, telefone, e-mail) e breve história inspiradora de até 15 linhas.