Secretaria Municipal de Saúde com resultados positivos em 2019

Olá Jornal
janeiro18/ 2020

Os 365 dias de 219 foram intensos para a Secretaria de Saúde de Venâncio Aires. A busca incessante por melhorias na qualidade e na oferta de novos serviços norteiam o trabalho da equipe multiprofissional que atua desde o atendimento administrativo até mesmo procedimentos cirúrgicos. Do dia 1º de janeiro até o dia 31 de dezembro, os profissionais ligados à Secretaria atuaram em oferecer mais e melhor o Sistema Único de Saúde (SUS).

A evolução quantitativa e qualitativa dos serviços realizados pelo SUS em Venâncio Aires está comprovado no Relatório de Procedimentos Coletivos e Ambulatoriais realizados em 2019. Conforme o Gestor da pasta, Ramon Schwengber, os números podem impressionar, mas é o caminho para o resultado que a Secretaria busca: a excelência no atendimento do cidadão.

Conforme os dados, em 365 dias, mais de cinco mil atendimentos de fisioterapia domiciliar foram realizados, uma oferta que teve a atuação qualificada nos últimos três anos. No atendimento clínico, por exemplo, o SUS realizou 17 mil procedimentos de fisioterapia em clínica. A qualificação dos profissionais e a reorganização do sistema também fortaleceu a área da fisioterapia.

Na área dos exames laboratoriais, foram 170 mil aprovados em 2019. Número tão expressivo quanto os de atendimento na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) que fechou o ano com 250 procedimentos. Isso sem contar os atendimentos médicos na Unidade, foram mais de 50 mil.

O atendimento odontológico, que também foi ampliado no último ano com a inauguração da sala no Posto de Vila Arlindo, somou mais de 10 mil atendimentos odontológicos dentro da rede. As Estruturas de Saúde Familiar (ESFs) ofertaram juntas, somando as sete unidades, mais de 50 mil atendimentos.

Ainda de acordo com o Gestor, os números do setor de oftalmologia também foram bons, com mais de 5.500 atendimentos, tanto os casos de Venâncio Aires quanto os de Candelária que atualmente é referência na demanda. Os números de atendimentos do Centro de Integração de Educação e Saúde (CIES) chegaram ao patamar de 6.069.

Os dados do relatório apresentam ainda os deslocamentos, que em 2019, foram de 16.180 pacientes transportados pelo Município para consultas e exames ambulatoriais em outras cidades do Estado.