• Hoje é: domingo, dezembro 17, 2017

Schuch pede intervenção do ministro do Trabalho para garantir relação do setor fumageiro com a OIT

Guilherme Siebeneichler
outubro11/ 2017

O deputado Heitor Schuch (PSB/RS) esteve em audiência na tarde desta quarta-feira, 11, com o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, reforçando o pleito do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Fumo e Alimentação de Santa Cruz do Sul e região (Stifa) para que a Organização Mundial de Saúde, com base na Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco, não restrinja as relações da Organização Internacional do Trabalho (OIT) com o setor fumageiro, importante cadeia produtiva e econômica do país, que gera milhões de empregos diretos e indiretos.

A preocupação do sindicato, da qual o parlamentar compartilha, é de que a marginalização do setor do tabaco, fruto de ações de organismos nacionais e internacionais contrários ao cigarro, atinja diretamente os trabalhadores, tanto na indústria, quanto no meio rural. “A OIT é um importantíssimo organismo de defesa dos direitos dos trabalhadores e das condições dignas de trabalho, a qual o sindicato não quer deixar de ser assistido”, destaca Schuch

Diante disso, o deputado solicitou a intervenção do ministro para que o setor do tabaco não seja excluído das relações com a OIT. “Isso rebaixaria o segmento a uma subcategoria no mundo do trabalho, o que é absolutamente inaceitável. É uma tremenda injustiça o que a OMS está tentando fazer, sob o pretexto de reforçar a campanha antitabagista”.