PSD de Venâncio Aires deixa a coligação do governo municipal

Olá Jornal
fevereiro14/ 2020

Por meio de nota oficial o Partido Social Democrático (PSD) declarou “independência”. A postura foi adotada durante reunião da Executiva Municipal. O partido fazia parte da coligação que elegeu o prefeito Giovane Wickert (PSB) e Celso Krämer (PTB), nas eleições de 2016. A coligação era formada por 10 partidos (PSB/PTB/PSB/PP/PCdoB/PR/PROS/PSD/Rede/PRP).

Conforme o presidente do PSD Venâncio, vereador Nelsoir Battisti, atualmente o partido não estava junto com o governo, apenas cargos eram ocupados por filiados. “O PSD desde junho de 2018 não tem espaço para tomar decisões com o governo. O que tinha e ainda tem são pessoas que estão filiadas e ocupam cargos lá. Participar de um governo é muito mais que indicar cargos, é decidir juntos os caminhos a ações que serão tomadas.”

Battisti que atuou como secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, deixou a pasta no dia 02 de julho de 2018, para ocupar sua cadeira no Legislativo Municipal. Como vereador também se opôs a chapa liderada por Eduardo Kappel (PL), durante a eleição para mesa diretora da Câmara de Vereadores, em 2018. Com isso, indicações feitas por ele em cargos comissionados no Executivo Municipal foram exonerados.

CONFIRA A NOTA DO PSD: