• Hoje é: sábado, julho 22, 2017

Produtores participam de treinamentos sobre saúde e segurança na cultura do tabaco

Guilherme Siebeneichler
abril27/ 2017

Nesta sexta-feira, 28 de abril, é comemorado o Dia Mundial da Saúde e Segurança no Trabalho. No campo, a conscientização para adoção de práticas que têm como principal objetivo a prevenção de acidentes e doenças é essencial para o desenvolvimento das atividades rurais de forma segura. Cientes da importância de ampliar conhecimentos e adotar esses procedimentos, 31 produtores de tabaco e trabalhadores rurais do município participaram de treinamentos técnicos itinerantes, conduzidos pela equipe de Pesquisa & Desenvolvimento da Alliance One. Estes treinamentos fazem parte do “Programa Tabaco Sustentável”, desenvolvido pela empresa.

Realizados terça e quarta-feira, respectivamente, nas propriedades de Luiz e Lisane Kunzler, em Estância Nova, e Nilo e Lucia Vogt, em Linha Antão, os encontros trouxeram informações e orientações para que os produtores tenham mais segurança na aplicação de defensivos agrícolas, bem como durante a colheita e manuseio de tabaco verde e úmido, evitando risco de intoxicações e a Doença da Folha Verde do Tabaco.

A importância do uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPI), durante a aplicação de defensivos, foi ressaltada com demonstrações práticas sobre os riscos de exposição do aplicador, onde uma substância atóxica marcadora demonstrou o risco de contaminação para quem não usa o equipamento de proteção. Ao final, todos os participantes receberam atestados de participação.

Mesmo que o tabaco seja uma das culturas comerciais que menos utiliza agrotóxicos no país, a proteção adequada nos momentos de suas aplicações é essencial para a preservação da saúde do produtor. É isso que Denilson e Ângela da Silva, moradores da localidade de Rio dos Bois, salientaram ao final do treinamento. O casal, que participou da programação em Estância Nova, aproveitou a oportunidade para ampliar conhecimentos. “O que mais gostei foi a clareza nas informações para tirar dúvidas e saber como se proteger. Temos dois kits de EPI em casa e, com certeza, reforçamos a importância de usá-los sempre que necessário. Afinal, a saúde é nosso bem mais importante”, destacou Denilson.

O supervisor de Pesquisa & Desenvolvimento da Alliance One, Daniel Teixeira, salientou que a conscientização dos produtores é o principal fator buscado com os treinamentos. “O objetivo é promover a compreensão da teoria e demonstrar, na prática, os cuidados que devem ser adotados. Além disso, há a necessidade do cumprimento de legislações inerentes às atividades das propriedades produtoras de tabaco”, pontuou.

Desde o final do ano passado, o “Programa Tabaco Sustentável” contou com a participação de mais de 400 pessoas nos encontros técnicos itinerantes sobre saúde e segurança em áreas rurais de atuação da Alliance One na região Sul do Brasil. A expectativa, em 2017, é envolver 2 mil participantes durante os eventos.

CRÉDITO: Assessoria de Comunicação Alliance One