• Hoje é: terça-feira, novembro 20, 2018

Prefeitura espera gerar 500 novos postos de trabalho com núcleo de confecção

Duas empresas já trabalham para construir novas unidades de produção em Venâncio Aires, a partir do projeto lançado pelo Governo Municipal, de estímulo ao setor de confecções. A proposta é de ampliar a participação deste segmento econômico no município, com incentivos e qualificação. Nesta semana o projeto foi apresentado para empresários do ramo.

No total a prefeitura vai disponibilizar nove lotes no bairro Aviação, com a proposta de desenvolver um polo da indústria de confecção e vestuário. Aliado a isso, o Município espera gerar 500 novos empregos diretos e indiretos. Dois empresários já encaminharam projetos para garantir o incentivo municipal, em investimentos que superam os R$ 300 mil, cada.

Atualmente o segmento gira em torno de R$ 5 milhões por mês na economia da cidade. “São trabalhadores contratados, fornecedores envolvidos e empresas de manutenção de máquinas. É um setor que tem se desenvolvido, gerado emprego e com um futuro grande para os próximos anos,” destaca o secretário de Desenvolvimento Econômico, Nelsoir Battisti.

Atualmente estão em operação no município 69 empresas do ramo de confecção, que empregam 884 trabalhadores, segundo informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). O investimento público no projeto alcança os R$ 2.640.975,00, com valores aproximados dos terrenos.

POLO DO TURISMO
Outro setor que terá incremento do poder público será o de Turismo. Além das programações de Páscoa e de Natal, a prefeitura espera incentivar os proprietários de áreas com potencial turístico, a ampliaram a oferta de atrações. Está em fase de conclusão uma legislação que incentivará financeiramente potenciais locais para o turismo, mas que carecem de infraestrutura.

Segundo a proposta, o Município formará convênio para incentivo de até R$ 10 mil, que deverá ser aplicado em melhorias da propriedade, como na construção de estacionamentos, áreas de observação ou trilhas até o local de contemplação. A proposta será analisada pelo Conselho Municipal de Turismo que será formado no dia 07 de junho.

FOTO: Samuel Gisch/ AI PMVA