Parlamentares aprovam redução do período de recesso

Olá Jornal
março14/ 2018

Durante a reunião ordinária desta segunda-feira, 12, os vereadores de Venâncio Aires aprovaram de forma unânime a redução dos atuais 45 dias de recesso, para 30. A proposta de autoria do vereador Eduardo Kappel (PP) objetiva ampliar o número de sessões no Parlamento Municipal e diminuir o período de férias dos vereadores. “Estamos garantido o equivalente do setor privado. Apesar que os vereadores não param de trabalhar, porque sempre recebem o cidadão ou viajam para buscar emendas,” argumentou.

Apesar da diminuição do recesso, o vereador Ciro Fernandes (PSC) quer protocolar na Câmara de Vereadores, projeto de lei para extinguir o período de paralisação das atividades. “O Executivo também não para por 30 dias e os vereadores possuem o compromisso semanal das sessões, podem descansar em outros dias.”

Adelânio Ruppenthal (PSB) lembrou que o recesso já foi de 90 dias e que a Câmara tem reduzido custos e ampliado serviços. “Estamos diminuindo mais, porque nesta Casa o período de recesso alcançava três meses. Não apoio o fim do recesso, porque o vereador que descansa de terça a domingo não se reelege,” disparou.

Apesar de votos negativos de Kappel e Ruppenthal sobre o fim do recesso, Fernandes deve manter o projeto. O progressista classifica a medida como eleitoreira. A diminuição do recesso passa a valer no próximo ano. No total serão três anos por legislatura de paralisação dos trabalhos por 30 dias, já que o primeiro ano de cada mandato não ocorre o período de pausa nos trabalhos.