Município teme perder recursos por apontamentos do Ministério de Desenvolvimento Social

Olá Jornal
março22/ 2019

A Prefeitura de Venâncio Aires está atenta para a possibilidade de perder recursos federais devido aos apontamentos do Ministério de Desenvolvimento Social em relação as contas de 2013, 2014, 2015 e 2016. As inconsistências apontadas pelo Governo Federal referem-se ao não cumprimento de requisitos como utilização e finalidade, bem como a não comprovação dos recursos, com falta de prestação de contas incluindo custeio de serviços com recursos do Bolsa Família e o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti).

As falhas, apuradas durante dois anos, a partir da não aprovação das contas da pasta relativas ao ano de 2016 por parte do Conselho Municipal de Assistência Social, colocam o município no risco de ter que devolver R$ 1 milhão relativo a este período, sendo que as guias de pagamento já foram emitidas. De lá pra cá, uma sindicância interna foi instalada e os dados foram entregues na última semana ao Ministério Público (MP).

BLOQUEIO
O prefeito Giovane Wickert teme que este mal-estar possa prejudicar o repasse de recursos na área ao município. “O Ministério está pressionando para que os valores sejam devolvidos e temos receio de que esta situação possa dificultar o envio de recursos para a o desenvolvimento social”. O gestor afirma estar preocupado com o futuro e espera a apuração dos fatos por parte do MP. “Não temos vínculo com o que aconteceu mas podemos sofrer as consequências. Repudiamos o que aconteceu e estamos à disposição para colaborar no que for preciso”, afirma Wickert.