• Hoje é: domingo, outubro 20, 2019

Governo Federal muda critérios de programa educacional e Venâncio fica de fora

Olá Jornal
janeiro22/ 2018

O Programa Novo Mais Educação do Governo Federal que constitui em uma agenda integral para alunos da rede municipal e estadual, anunciou novos critérios para determinar as escolas aptas a serem beneficiadas. Até o momento Venâncio Aires não esta estre os municípios a terem o programa implantado na rede de educação.

As escolas municipais Cidade Nova e Coronel Thomaz Pereira que eram beneficiadas não irão disponibilizar mais turno oposto pelo Programa Mais Educação. Em 2016 já houveram cortes na verba repassada as escolas, o que ocasionou a interrupção do projeto nos educandários. Segundo a Coordenadora Pedagógica da Secretaria de Educação, Alice Theis  “ainda há esperança  que as escolas voltem a ser  beneficiadas pelo programa “.

Mais de 100 alunos integravam as atividades no turno oposto, onde tinham o acompanhamento pedagógico em Língua Portuguesa e Matemática, além disso o desenvolvimento de  atividades nos campos de artes, cultura, esporte e lazer pelo período de cinco horas ao dia .

Para serem beneficiadas as escolas devem apresentar índice socioeconômico baixo ou muito baixo segundo a classificação do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP), além disso ter baixo desempenho no  Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) e terem recebido recursos na conta PDDE Educação Integral entre 2014 e 2016.

 CIDADES NA MESMO SITUAÇÃO 

As cidades de Viamão, Charqueadas e Canoas também perderão o beneficio do Programa Mais Educação. Em Viamão de 54 escolas, apenas 12 terão o funcionamento integral.  Das 41 escolas em Canoas apenas oito continuarão atendendo no turno oposto. De oito escolas beneficiadas em Charqueadas, apenas metade continuará com turno integral.