Farmácia-Escola da Unisc produz mais de 200 kg de álcool gel para auxiliar no combate ao Coronavírus

Olá Jornal
março25/ 2020

Lavar as mãos com água e sabão é um hábito de higiene fundamental no combate ao Coronavírus (Sars-cov-2, que provoca a doença batizada de Covid-19). E quando esse hábito não for possível, o álcool gel substitui essa higienização, podendo também ser usado para desinfetar celulares, teclados, cadeiras, maçanetas e outros objetos que sejam de uso coletivo e tocados por várias pessoas com frequência.

Embora a produção de álcool gel seja relativamente simples e rápida – dependendo do polímero utilizado, não deve ser feito em casa, pois, no processo, são utilizadas substâncias químicas para fazer essa transformação e equipamentos específicos para manipulação, além da necessidade de verificar o pH final do produto manipulado, para não prejudicar a pele das pessoas que irão utilizar o mesmo.

A iniciativa da Farmácia-Escola da Unisc em produzir álcool gel para o uso no Hospital Santa Cruz e para a comunidade local foi uma alternativa rápida encontrada para suprir a carência do produto no mercado. “Ao todo, foram produzidos, até o momento, 210 Kg de álcool gel nos laboratórios de manipulação”, ressaltou a farmacêutica Danielle Cristina Luiz da Silva. “Lembrando que, apesar de importante na prevenção do coronavírus, o uso do álcool gel é apenas uma das medidas a serem adotadas, não mais importante quanto outras, como o isolamento social e a higienização das mãos, principalmente”, acrescentou Danielle.

CRÉDITO: AI Unisc