• Hoje é: sexta-feira, setembro 20, 2019

Em noite de ataque eficiente, Inter se classifica na Copa do Brasil

Janine Niedermeyer
fevereiro22/ 2017

O Internacional está na 3ª fase da Copa do Brasil 2017. Na noite desta quarta-feira, 22, o time do técnico Zago eliminou o Oeste de São Paulo. O confronto em jogo único no estádio Beira-Rio terminou em 4×1 para o Colorado.

Apesar de alguns sustos nos primeiros minutos, o Internacional não demorou a derrubar o estreante Oeste, na competição. Logo aos 4min do primeiro tempo, o Colorado fez 1×0 sobre os paulistas, com o atacante Brenner.
No lance que abriu o marcador, o meia Carlinhos cruzou para Brenner, que tentou desviar do goleiro, mas não conseguiu. A bola bateu na trave e voltou no pé do artilheiro, que apenas empurrou para as redes.

Não demorou para a equipe gaúcha ampliar o placar no estádio Beira-Rio. Aos 13min da etapa inicial o zagueiro Léo Ortiz fez belo lançamento da direita para esquerda. O atacante Carlos recebeu nas costas de Reginaldo, entortou o lateral do Oeste e soltou a bomba, pra anotar o 2×0.

A vantagem foi ampliada ainda na primeira etapa, com o volante Charles, em contra-ataque do Inter. O lateral Uendel puxou na velocidade, abriu pela esquerda para o cruzamento. Charles fechou pela direita, bateu cruzado e viu a bola morrer no gol do Oeste: 3×0.

Goleada
O Oeste conseguiu descontar logo no início do segundo tempo, com 4min de bola em jogo. Em cruzamento de Cleidson, da esquerda, para Tiago Adan, o atacante subiu contra o zagueiro Paulão e mandou para as redes.

Mas a alegria e pressão dos visitantes durou pouco, pois aos 12min, de pênalti o Colorado voltou a marcar. No lance marcado pelo árbitro, Carlos saiu nas costas da defesa, invadiu a área e chutou. O goleiro Rodolfo defendeu, mas no rebote segurou o atacante do Inter. NA cobrança, Brenner anotou seu segundo gol no jogo, aplicando 4×1 sobre o Oeste e assim terminou o jogo.

Na primeira fase da Copa do Brasil, o Internacional passou pelo Princesa do Solimões (AM), enquanto o Oeste havia eliminado o Friburguense (RJ). As duas equipes jogaram fora de casa.

Escalações:
Inter – Danilo Fernandes, Paulão e Léo Ortiz, Junio e Uendel, Charles (Entrou Fabinho) e Rodrigo Dourado, Carlinhos e D’Alessandro (Entrou Seijas), Carlos (Entrou Valdívia) e Brenner. Técnico Antônio Carlos Zago.

Oeste – Rodolfo, João Victor e Guilherme Garutti, Reginaldo e Cleidson, Lidio (Entrou Guilherme Batata) e Bruno Barra, Natan, Erick Luis (Entrou Da Matta), Robert (Entrou Tiago Adan) e Mazinho. Técnico Roberto Cavalo.