Edição de 2020 do Promagro distribui mais de R$ 120 mil a 14 produtores rurais

Olá Jornal
junho26/ 2020

Na tarde desta quinta-feira, 25, 14 produtores rurais de dez localidades do interior de Venâncio Aires assinaram os contratos referentes aos subsídios e incentivos através do Programa Rotativo de Desenvolvimento Agropecuário de Venâncio Aires (Promagro). O programa que tem o objetivo de promover apoio e melhorias nas propriedades rurais, oferta carência de um ano e o juros é de 2,5% ao ano.O ato aconteceu na sala de reuniões do gabinete do Executivo Municipal e contou com a presença do Prefeito Giovane Wickert, do Vice-Prefeito Celso Kramer, do Secretário de Desenvolvimento Rural, Gilmar Mohr e, de servidores públicos da pasta, bem como, de um representante de cada propriedade contemplada.

O Secretário de Desenvolvimento Rural, Gilmar Mohr, salientou a importância dos produtores procurarem participar do programa. “O valor ajuda a investir em diversificação e comprar implementos agrícolas. É preciso reconhecer este esforço e pensamento destes produtores que querem evoluir nas suas propriedades.”

O Vice-Prefeito, Celso Krämer, por sua vez, lembrou que “é um valor que aquece o meio rural. E a parceria da Emater e dos Sindicatos Rurais são importantes nesta articulação e movimentação. Temos uma grande preocupação com o interior, em dar condições de tráfego, de se desenvolver, por isso, fizemos questão de movimentar novamente este programa que durante alguns anos esteve desativado e, através de uma nova lei com juros mais baixos, reativamos.”

O Prefeito Giovane Wickert lembrou de empreendimentos importantes na área rural que tem se instalado no Município recentemente, como a Fida Calcários, Agrocenter Languiru, Condomínio Avícola da Dália que recebe o primeiro lote de frangos na próxima semana; e que são peças fundamentais para o futuro do segmento no município. “É crucial destacar que se não bastasse a pandemia, a agricultura também foi castigada com a seca. Mas o empenho, a boa vontade de dar a volta por cima é marca registrada do nosso povo do interior. Sabemos que são valores pequenos, mas que em uma propriedade podem fazer a diferença e ajudar muito, por isso apostamos neste programa, queremos ver a roda girar e a comunidade se desenvolver.”

Neste ano, 14 produtores foram contemplados com valores que variam de R$ 4 mil à R$ 13, 8 mil somando o total de investimentos de R$ 124.743,16. No ano passado, 12 produtores foram atendidos, com investimento de R$ 132.147,52. Em 2018 seis produtores foram contemplados e os recursos chegaram a R$ 53.186,54. E no primeiro ano da atual gestão, em 2017, oito produtores foram atendidos, com investimento total de R$ 76.134,90.

Contemplados:
Jaderson Weber Martins, de Vila Palanque
Tiago Matias Frey, de Linha 17 de Junho
Nilson Posselt, de Linha Isabel
Evanderlei Schoeninger, de Linha Cachoeira
Edson Carlos da Rosa, de Campo Grande
Lauro Kist, de Vila Arlindo
Elvino Pohl, de Linha Cachoeira
Gelson Renz, de Linha Cachoeira
Valmir Inácio Becker, de Linha 17 de Junho
Milton José Schuh, de Vila Palanque
Odair José Tiedrich, de Linha Travessa
Jaime Ivan Kappaunn, de Linha Arroio Grande
André Hackenhaar, de Santa Emília
Auri João Specht, de Linha Duvidosa

CRÉDITO:  AI PMVA