• Hoje é: quinta-feira, junho 20, 2019

Definidas as prioridades da região na Consulta Popular

Guilherme Siebeneichler
julho13/ 2017

Durante assembleia nesta quarta-feira, 12, do Conselho Regional de Desenvolvimento do Vale do Rio Pardo (Corede/VRP), foram definidos os itens que irão na cédula de votação da Consulta Popular. Saúde, agricultura e segurança pública ganham destaque. O valor total para a região é de R$ 2.028.571,43.

São 10 opções de voto, em que o eleitor escolhe durante o processo de votação do Orçamento Participativo. A Consulta ocorre entre os dias 1º, 2 e 3 de agosto em locais públicos e pela internet. São eleitas as quatro demandas mais votadas durante o processo, garantindo 25% do orçamento deste ano, ou seja, R$ 507.142,85 para cada projeto eleito.

Podem receber os recursos do orçamento participativo os municípios que atingirem um percentual mínimo de votação. Em Venâncio Aires 4% dos eleitores, no mínimo, precisam participar. O percentual equivale a 2.171 pessoas.

10 projetos da cédula de votação: 
1. SES: Criação e ampliação de novos leitos de UTI nos hospitais da região;
2. SEAPI: Correção, recuperação e manutenção do solo (programa gestão sustentável do solo);
3. SDR: Apoio ao desenvolvimento da agricultura familiar (fortalecimento das diretrizes e ações voltadas à prevenção do êxodo rural e da agricultura familiar);
4. SDR: Bovinicultura do leite: aquisição de equipamentos, como ordenhadeira, resfriador e gerador de energia;
5. SSP: Viaturas, equipamentos, armamentos (BM, PC, SUSEPE, IGP, BOMBEIROS). Investimentos em tecnologia de segurança;
6. SDR: Agroindústria Familiar –Sabor Gaúcho. Apoio ao desenvolvimento da agricultura familiar e fortalecimento dos sistemas locais e regionais de abastecimento;
7. SME: Energia forte no campo –rede de energia trifásica (qualificar a rede de distribuição elétrica no meio rural);
8. SDSTJDH: equipamentos para galpão de reciclagem (implantação de usina regional de reciclagem de resíduos sólidos);
9. SEDACTEL: regionalização do turismo (qualificação e desenvolvimento do Turismo no Vale do Rio Pardo);
10. SDECT: Redes de Cooperação (desenvolver a cultura de cooperação e empreendedorismo).