• Hoje é: sexta-feira, dezembro 13, 2019

Corsan apresenta projetos de expansão da rede de esgoto e abastecimento

Guilherme Siebeneichler
setembro05/ 2018

Representantes da Companhia Riograndese de Saneamento (Corsan) participaram da sessão da Câmara de Vereadores nesta segunda-feira, 03. Ocuparam a tribuna livre da reunião ordinária o gerente local da estatal, Ilmor Conceição Dörr e o Superintendente da Região Central, José Roberto Ceolin Epstein. Na oportunidade, destacaram investimentos nos últimos anos e as metas da companhia.

Entre os desafios está o de garantir o tratamento de esgoto na área urbana em 20 anos. Sete anos já se passaram e nenhuma residência está ligada à rede coletora para tratamento, apesar da Estação de Tratamento de Efluentes (ETE) ter sido inaugurada em 2017 no bairro Morsch. A expectativa é de ligar 2,7 mil unidades habitacionais até o próximo ano. Uma segunda fase de investimentos em redes deverá contemplar 4,6 mil residências. Ainda no mês passado foi realizada licitação para a contratação de empresa que irá implantar 53 quilômetros de dutos em toda área central do município. O investimento totaliza R$ 13,7 milhões.

No abastecimento deverão ser aplicados R$ 600 mil até o próximo ano, em novos dutos, troca de equipamentos de bombeamento e poços. Aliado a isso, um estudo irá apontar futuras melhorias para evitar colapsos no abastecimento, em especial, nas áreas altas da cidade. Entram na demanda a construção de novos reservatório, que devem ser implantados em 2019. “A expectativa é de garantir a continuidade de abastecimento, com estas melhorias. São problemas pontuais, mas que após o estudo de melhorias, poderemos apontar soluções no abastecimento,” destaca Epstein.

Aliado a isso, um estudo deverá apresentar alternativas para captação de água no município. Isso porque, atualmente todo abastecimento depende do Arroio Castelhano, que no períodos de estiagem sofre e já ocorreram racionamentos. A expectativa é de apontar novos investimentos, como a construção de barragem, utilização de outro manancial ou a busca por água no rio Taquari. O trabalho de análise deve ser apresentado até o fim deste ano.