• Hoje é: terça-feira, novembro 13, 2018

COP 8 motiva encontro de Wickert com a CONICQ no Rio de Janeiro

Olá Jornal
junho28/ 2018

A produção do tabaco e todos os envolvimentos em torno deste cultivo motivam encontros anuais de diversas lideranças na Conferência das Partes da Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco (COP). Este ano o evento chega em sua oitava edição e discutirá em Genebra o tratado global para diminuir o consumo de cigarros. Ontem, 27, o secretário executivo da Associação dos Municípios Produtores de Tabaco (AMPROTABACO) Dalvi Soares esteve reunido com o Prefeito Giovane Wickert para tratar do encontro do Gestor com lideranças Comissão Nacional para Implementação da Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco e de seus Protocolos (CONICQ).
que preparam os representante brasileiros que vão participar da COP8.

O encontro será no próximo dia 18 no Rio de Janeiro e Wickert representará a Associação. A definição desta reunião ocorreu após a Audiência Pública realizada em Brasília no final de maio onde prefeitos, deputados e representantes da Conferência e do Instituto estavam presentes para debater um novo momento na COP. “Eu e o Dalvi, com anuência do Prefeito Telmo Kirst de Santa Cruz do Sul que é o Presidente da AMPROTABACO, vamos iniciar esta mediação entre o secretariado da conferência e os prefeitos em um clima de debate entre as partes tentando distensionar as relações para que tenhamos um pouco mais de unidade e não tanto de divisão em Genebra”, disse Wickert que é o atual Tesoureiro da Associação.

Wickert lidera, por escolha dos Prefeitos da Associação, esta frente de trabalho com as representatividades que realmente participam dos encontros nas Conferências. Todo ano, um grande grupo de políticos e empresários vão até os encontros para buscar participar dos debates, mas acabam não conseguindo entrar nas reuniões. A proposta deste ano é que uma liderança consiga uma credencial de ouvinte para participar da COP. “Depois da audiência em Brasília percebemos que há um entendimento de que é preciso melhorar este diálogo. Vamos ao Rio de Janeiro tratar desta possibilidade de participação efetivas nos encontros em Genebra e ainda mostrar que a produção do tabaco converge com a diversificação rural”.

A COP 8 ocorre entre os dias 1º e 6 de outubro em Genebra na Suíça. Os Gestores se organizam para participar do evento e estão aguardando o resultado deste encontro no próximo dia 18 de julho para definir a forma que o grupo estará no país europeu. A última conferência (COP7) foi realizada em Nova Délhi, na Índia, entre os dias 7 e 12 de novembro de 2016 e o governo brasileiro defendeu mais a situação do mercado nacional, quanto as medidas para coibir o cultivo e comércio de tabaco. Neste ano, estarão em pauta, o tratado internacional de combate ao cigarro ilegal, cigarros eletrônicos e a responsabilização da indústria tabacaleira quanto aos custos de tratamentos de saúde.

CRÉDITO: Coordenadoria de Comunicação e Marketing PMVA