• Hoje é: domingo, abril 22, 2018

Conhecimento adquirido e alegria repassada adiante

Janine Niedermeyer
junho29/ 2016

As tardes dos sábados, sempre dedicadas pelos integrantes da trupe Doutores P a visitar pacientes do Hospital São Sebastião Mártir, desta vez tiveram uma pausa. Mas por uma boa causa, pois ao longo do último fim de semana o grupo, ao lado de outras pessoas interessadas, participaram da oficina de palhaço: “Um salto para o fracasso”.

Tanto no sábado, 25, como no domingo, 26, foram 10 pessoas que integraram a formação artística com o ator Daniel Lucas, do Teatro VagaMundo de Santa Maria. As atividades foram desenvolvidas na Academia de Saúde do bairro Gressler, em anexo ao posto de saúde.

Uma das responsáveis pela organização da oficina, a atriz Eliane Turcatto afirma que essa programação foi possível como resultado da campanha para angariar fundos em prol do Doutores P. “Então buscamos trazer o Daniel, que é um ator excelente, que possui todo esse trabalho da linguagem do palhaço há muitos anos, com uma formação qualificada, trazendo para o grupo como forma de crescimento”.

Para ela, foi possível fazer uma análise boa no trabalho artístico e como forma de crescimento profissional. “A gente só tem a aprender e evoluir. Com isso a comunidade ganha e o hospital ganha, com esse trabalho mais qualificado”, salienta Eliane.

Com o grupo VagaMundo em circulação desde 2008, através de vários espetáculos, Daniel Lucas afirma que o foco sempre foi trabalhar o palhaço clássico. “A gente resgata gags (piadas físicas ou atitudes engraçadas) de grandes palhaços e transforma da nossa maneira de ver, da nossa maneira cômica de fazer”.

Conforme o ator, a oficina visa trabalhar justamente com o que, na verdade, fica esconde no dia a dia. “Então o palhaço serve pra revelar quem a gente realmente é. Ser quem você é e não ser o que os outros querem que você seja. Essa é a base da oficina, de buscar essa criança que de alguma forma desapareceu, pois a nossa sociedade anda tão séria”, salienta Daniel.

Leia a publicação completa na edição online do Olá Jornal.

Foto: Maicon Nieland