• Hoje é: domingo, dezembro 8, 2019

Com área na mão, município busca recursos para o novo Distrito Industrial

Olá Jornal
novembro14/ 2019

Após receber área do Estado, Venâncio Aires agora busca recursos para tirar do papel o projeto do novo Distrito Industrial. A assinatura da escritura do repasse da área ao Município, onde funcionava a antiga Penitenciária de Venâncio, foi realizada nesta segunda-feira, 11, depois de seis anos do início das negociações. Localizado em Vila Estância Nova, na RSC-287, o lote de 83,3 hectares (833 mil metros quadrados), avaliado em R$ 7,5 milhões, precisa receber a infraestrutura necessária para estar apto a sediar novas empresas.

Será criado um projeto urbanístico da área, como aberturas de ruas, energia, esgotamento, abastecimento de água. Os lotes individuais ainda não têm tamanhos definidos e serão desmembrados aos poucos, dependendo do perfil da empresa interessada.

O valor total para garantir a infraestrutura ainda não foi estimado mas a busca de recursos financeiros ocorrerá a partir do ano que vem junto aos órgãos de fomento. Pelo menos um lote precisa estar à disposição em 2020, caso contrário o Município corre o risco de perder a área. Já o prazo para consolidar toda a infraestrutura do lote é até 2027.

“Foi a organização imobiliária que o Estado impôs no contrato para que não haja devolução”, explica o secretário de Desenvolvimento Econômico, Nilson Lehmen, que envolveu-se no processo enquanto ainda integrava o governo do estado na gestão passada.

NEGOCIAÇÃO
Para destravar a negociação iniciada ainda na gestão do ex-prefeito Airton Artus, o município abriu mão de cinco hectares onde está instalado o Instituto Penal Mariante. O desmembramento foi necessário pois a estrutura recebeu melhorias recentemente com financiamento federal, afim de servir para almoxarifado para a nova Penitenciária. No entanto, o objetivo do Município é buscar de volta o espaço em forma de comodato com o Estado.

REALIDADE
O prefeito, Giovane Wickert, lembrou dos impasses e do longo caminho percorrido. “O Município mais uma vez mostra que é uma cidade atrativa, competitiva, bem posicionado estrategicamente no RS e que agora tem mais uma importante área para quem aqui quiser crescer, investir e expandir.”

O vice-prefeito, Celso Krämer, salientou que o novo Distrito Industrial valorizará a região de Estância Nova. “Venâncio agora vai mobilizar ainda mais as empresas para que se instalem em nossa cidade para gerarem renda, emprego e crescerem”. O presidente do Legislativo, Eduardo Kappel, destacou os esforços da Administração para alcançar o feito histórico. “Foi preciso um colono para negociar”, referindo-se ao trabalho de Krämer que sugeriu o desmembramento da área destravando o processo.