• Hoje é: segunda-feira, julho 16, 2018

Campanha de vacinação contra Gripe inicia dia 23 deste mês

Olá Jornal
abril18/ 2018

Inicia na próxima segunda-feira, 23, mais uma Campanha Nacional de Vacinação contra o vírus Influenza, em Venâncio Aires onde mais de 21 mil pessoas integram o público-alvo da campanha de imunização contra a gripe.
A vacina é trivalente e previne contra influenza A – H1N1 da pandemia de 2009, influenza a H3N2 e Influenza B.

Todas as pessoas que fazem parte dos grupos considerados prioritários terão até o dia 1º de maio para receber a dose, que previne contra três subtipos do vírus da gripe. No município o “Dia D”, considerado a data mais importante de mobilização está marcado para 12 de maio, e os Idosos e crianças são os grupos com maior público-alvo da vacina, em Venâncio Aires. São 9,5 mil pessoas com mais de 60 anos e 3.321 crianças de seis meses até 4 anos 11 meses e 29 dias, que devem ser imunizadas.

De acordo com a enfermeira Carla Lili Müller, responsável pelo setor de Imunizações do município, “As Unidades de Saúde do município terão a vacina em tempo integral de funcionamento, já no interior pedimos que as pessoas procurem as informações nas unidades, pois não serão em todos os horários.”

Campanha Nacional inicia com atraso

O objetivo do Ministério da Saúde era iniciar os trabalhos uma semana antes, no dia 16 de abril. Mas algumas dificuldades de fabricação e logística dificultaram a distribuição da vacina. Apesar do atraso, o Ministério aposta que a troca de datas não trará problemas, uma vez que a campanha se iniciará ainda no outono, antes de o inverno começar, quando o número de atingidos sobe.

Grupos prioritários

Idosos com mais de 60 anos, gestantes em qualquer idade gestacional, trabalhadores da área da saúde, crianças de seis meses a quatro anos 11 meses e 29 dias (menores de cinco anos), professores com comprovação, pessoas portadoras de doenças crônicas com comprovação e que se enquadre nos critérios da campanha, puérperas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, povos indígenas.

CRÉDITO: Coordenadoria de Comunicação e Marketing PMVA