• Hoje é: sexta-feira, setembro 21, 2018

Assoeva é absolvida no caso das goteiras do Poli

Olá Jornal
abril13/ 2018

A Assoeva foi absolvida no caso das goteiras do Poliesportivo, denunciada pelo Tribunal de Justiça Desportiva. O julgamento do processo ocorreu na quinta-feira e ao apresentar a defesa, na qual argumentava que o problema já está sendo solucionado por parte da Administração municipal, o clube foi absolvido.

O processo, movido por conta do jogo entre Assoeva x Tubarão no dia 24 de março, quando o jogo ficou paralisado por 25 minutos por conta das goteiras na quadra durante uma forte chuva que caía na Capital do Chimarrão, previa multa de R$ 100 a R$ 100 mil e perda de além da interdição do local até a satisfação das exigências.

O argumento era de que a estrutura daquela maneira colocava em risco a integridade física dos atletas. Na defesa apresentada pelo advogado da Assoeva, Enedir Cristino, constava cópia da documentação que comprova o processo licitatório, que está em andamento, e que prevê a instalação de manta asfáltica no telhado do ginásio, por toda a parte que cobre a quadra, resolvendo o problema das goteiras.

O projeto já está com o Setor de Compras da Prefeitura, que deverá abrir o Edital de Concorrência nos próximos dias. Esta etapa será de 45 dias. Após esta tramitação burocrática, a empresa vencedora dará início a obra, que custará cerca de R$ 70 mil e será realizada com recursos próprios da Administração Municipal.