Aos 66 anos, Afubra busca propriedade ainda mais autossustentável

Olá Jornal
março24/ 2021

Ao completar mais um aniversário, a Afubra busca intensificar ações que tornem a propriedade de seus associados ainda mais autossustentável. São 66 anos de defesa ao produtor de tabaco, comemorados no último dia 21, cujo trabalho vai além de direitos, garantia de melhor preço e amparo safra. O esforço é por garantir qualidade de vida, capacidade de ampliação de geração de renda, preservação do meio ambiente e do trabalho daqueles que escolheram a terra para cultivar.

De acordo com o presidente, Benício Werner, a chega a mais um ano de vida focada em fomentar a autossustentabilidade da propriedade. “A entidade sim está voltada cada vez mais com trabalho forte para que o produtor tenha uma segurança e um resultado mais positivo, não só na produção principal que é o tabaco, mas também em todas as culturas que servem tanto para seu sustento e como para comercialização”.

Uma das linha de frente é a diversificação de culturas e, para isso, projetos como a instalação de uma unidade de recebimento de grãos saem do papel. Anunciado ao Olá Jornal no ano passado, quando da passagem do aniversário de 65 anos, o projeto tornou-se realidade um ano depois, e já está em fase de testes na propriedade agrícola anexa ao Parque da Expoagro Afubra, localizada no município de Rio Pardo/RS.

Além disso, a linha de produção de energia solar oferecida aos produtores e demais projetos como Verde É Vida, mata energética e de armazenamento de água na propriedade, somam esforços nesse sentido. “A usina fotovoltaica, por exemplo, visa reduzir custos e trazer benefícios ao meio ambiente”, explica.

CRESCIMENTO
Para Werner, o crescimento da entidade tem a ver com o crescimento e aceitação do tabaco que fez com que associação se organizasse para acompanhar o crescimento da produção brasileira. E é nessa aceitação que a entidade encontra o seu principal desafio. “A Afubra está muito preocupada com o forte combate aos produtos de tabaco e a propriedade, por isso, buscamos cada vez mais ser autossuntentável, com maior lucratividade”.

Filho do fundador Harry Werner, o dirigente presta homenagem aos fundadores e agradece aos associados que no início acreditaram no projeto e a todas as pessoas que trabalharam na entidade. “Buscamos atender bem o associado, atender bem com tecnologia e informação a ponto do produtor ao ser visitado pelo funcionário da Afubra já ter seus números alimentados no sistema pela internet”.

FOTO: AI Afubra

Olá Jornal
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com